quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Como limpar o cache DNS no Windows, Mac e Linux

 A Domain Name System ou DNS ajuda os usuários a obter os dados provenientes de um servidor para um computador e, basicamente, é usado quando tentamos acessar um endereço no navegador. Mas, algumas vezes, os sites mudam e computadores podem demorar para atualizar essa informação. O resultado disso é que o usuário fica tentando acessar sites baseando-se em uma informação ultrapassada. 
Para resolver essa limitação e receber a informação mais recente, confira, no tutorial abaixo, como limpar e renovar o cache DNS no Windows, macOS e Linux.
Resultado de imagem para dns pcAprenda a limpar o cache do DNS
Como limpar o cache DNS no Windows 
Passo 1. Abra o Prompt de Comando com privilégios de administrador. Você pode fazer isso digitando “cmd” na busca do sistema. Na listagem que aparece, clique com botão direito no ícone do programa e depois na opção “Executar como Administrador”.
Se o sistema suportar, você também pode pressionar as teclas Win + X e clicar em “Prompt de Comando (Admin)”, no menu que será exibido;
Executando o Prompt de Comando como administrador (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Executando o Prompt de Comando como administrador 
Passo 2. Se for solicitado, forneça a senha ou toque no botão “Sim”, para autorizar a execução;
Autorizando a execução do Prompt de Comando como administrador (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Autorizando a execução do Prompt de Comando como administrador
Passo 3. Em seguida, basta digitar o seguinte comando “ipconfig /flushdns” e teclar enter. Feito isso, o cache já estará limpo e receberá novas informações.
Limpando o cache DNS no Windows (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Limpando o cache DNS no Windows
Como limpar o cache DNS no Mac
Passo 1. Execute o Terminal. Para isso, pressione as teclas Command + Barra de espaço para abrir a busca do sistema. Nela, digite “terminal” e, em seguida, clique no programa quando aparecer na lista de resultados;
Executando o Terminal no Mac (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Executando o Terminal no Mac 
Passo 2. Para limpar o cache DNS no Mac, digite o comando “dscacheutil -flushcache” e tecle enter;
Limpando o cache DNS no Mac (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Limpando o cache DNS no Mac 
Passo 3. Digite o comando “sudo killall -HUP mDNSResponder” e tecle enter para recarregar o cache DNS;
Recarregando o cache DNS no Mac (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Recarregando o cache DNS no Mac 
Passo 4. Se você estiver usando o OS X 10.4 ou uma versão mais antiga, você tem que digitar o comando “lookupd -flushcache”, para recarregar o cache DNS.
Recarregando o cache DNS em versões antigas do SO do Mac (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Recarregando o cache DNS em versões antigas do SO do Mac
Como limpar o cache DNS no Linux
Passo 1. Antes de limpar e recarregar o cache do DNS no Linux, instale o NSCD. Para isso, abra o terminal (clicando no ícone dele ou pressionando as teclas CTRL + ALT + F ou CTRL + ALT + F1. No terminal, digite o comando “sudo apt-get install nscd” e tecle enter;
Acessando o terminal e instalando o NSCD (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Acessando o terminal e instalando o NSCD 
Passo 2. Limpe e reinicie o cache do DNS no Linux, usando o comando “sudo /etc/init.d/nscd restart” e tecle enter.
Reiniciando o cache do DNS no Linux (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Reiniciando o cache do DNS no Linux 
Agora que você já sabe como limpar e recarregar o cache do DNS, sempre que precisar, poderá obter a informação mais recente da localização dos sites.

Leia também.

Nenhum comentário:

Atenção,Aviso Legal.

Todos os direitos autorais reservados.
A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão, multa e indenizações civis .
LEI Nº 9.610
Art. 5º Para os efeitos da Lei, considera-se:
I - publicação - o oferecimento de obra literária, artística ou científica ao conhecimento do público, com o consentimento do autor, ou de qualquer outro titular de direito de autor, por qualquer forma ou processo.
Os donos de blogs ou sites que não respeitam a lei estão sendo notificados,denunciados,tendo seus blogs e sites fechados e processados.
Proibida cópia total ou parcial,e qualquer tipo de reprodução sem autorização em blogs ou sites.
Proibido o uso do nome Como Saber Fazer
O nome Como Saber Fazer é marca registrada e protegido por lei.
Apenas indique a fonte da informação colocando um link para o artigo do blog Como Saber Fazer.
Até agora: 25/06/15.
145 Blogs e
22 sites denunciados.
154 Blogs apagados pelo google.
221 donos de sites e 25 donos de blog respondendo a processos por plágio.
129 vitórias na justiça.
Leia no fim da página o aviso de Copyright.