quarta-feira, 6 de maio de 2015

Como ocultar e proteger seus arquivos de olhos curiosos no Windows

Arquivos protegidos
Segurança é um assunto sério e, atualmente, um dos principais tópicos de preocupação da indústria da informática. Também não é para menos: temos uma variedade imensa de cibercriminosos a solta e cada vez mais armazenamos dados e informações sensíveis nos nossos computadores, smartphones e tablets. Manter tudo protegido e longe não só dos olhos do hackers, mas também de familiares, não é tão difícil assim.
Atualmente, o mercado dispõe de inúmeros mecanismos de proteção que vão desde a ocultação simples de arquivos até a criação de cofres digitais gigantescos que adicionam uma baita camada de proteção a arquivos sensíveis e de extrema importância para o usuário ou um negócio. Pensando nisso, vamos dar uma olhada nas principais formas de manter seus arquivos longe de quem não deve vê-los no Windows.

Oculte seus arquivos

Muita gente faz inúmeras gambiarras para esconder um arquivo dos olhos alheios, mas a verdade é que o próprio Windows tem um mecanismo que permite esconder não só arquivos, mas pastas inteiras.
Antes de seguir adiante e efetivamente esconder o que precisa ser escondido, é preciso se certificar de que a função está ativada no seu Windows. Para tanto, abra o Windows Explorer (ou pressione a tecla Windows + E no seu teclado), acesse a aba "Exibir" no menu superior da janela, clique no botão "Opções" e, finalmente, em "Alterar opções de pasta e pesquisa".
Antes de ocultar arquivos e pastas é preciso verificar se o recurso está habilitado no Windows (Imagem: Captura de Tela / Sergio Oliveira)
Antes de ocultar arquivos e pastas é preciso verificar se o recurso está habilitado no Windows (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira) 
Na janela que abrir, acesse a aba "Modo de Exibição" e procure pela opção "Pastas e arquivos ocultos". Marque a opção "Não mostrar arquivos, pastas ou unidades ocultas" e confirme as alterações pressionando o botão "OK".
Para poder ocultar arquivos e pastas é necessário marcar a opção
Para poder ocultar arquivos e pastas é necessário marcar a opção "Não mostrar arquivos, pastas ou unidades ocultas" nas "Opções de Pasta". Marcar a outra opção fará com que todos os arquivos escondidos por você ou pelo sistema apareçam (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira) 
Com isso feito, é chegada a hora de esconder os seus arquivos. Procure por eles e clique com o botão direito sobre os que ficarão escondidos dos olhares curiosos. Selecione "Propriedades", depois a aba "Geral" e, na seção "Atributos", marque a opção "Oculto". Confirme a alteração clicando no botão "OK" e veja a pasta ou arquivos tomarem um chá de sumiço.
Basta marcar a opção
Basta marcar a opção "Oculto" para fazer o arquivo ou pasta sumir do Windows. Clicar em "Avançados" o levará a opções adicionais que podem ocultar o arquivo da busca do sistema (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira) 
Caso queira dar uma reforçada nesse tipo de proteção, clique no botão "Avançados..." e demarque a opção "Permitir que os arquivos desta pasta tenham o conteúdo indexado junto com as propriedades do arquivo". Dessa forma o arquivo não aparecerá nas buscas do Windows.
Desmarcar as duas opções de indexação fará com que o arquivo não seja listado nem na busca do Windows (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)
Desmarcar as duas opções de indexação fará com que o arquivo não seja listado nem na busca do Windows (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira) 
Caso você queira desfazer o processo, basta executar os passos anteriores desmarcando as opções e sinalizando para o sistema exibir pastas e arquivos ocultos.
É claro que esse não é o método mais seguro de proteger os seus arquivos, mas certamente já é uma camada de dificuldade adicional para aqueles que pouco entendem de informática e não fazem ideia do que fazer para encontrar os arquivos solapados.

Oculte as unidades de disco 

Muita gente tem mais de um disco rígido no computador ou mais de uma partição para um mesmo disco. Geralmente, essa unidade extra é utilizada para guardar documentos e arquivos mais importantes e por isso é um prato cheio para hackers e pessoas mal intencionadas. Ocultá-lo, portanto, pode acabar sendo uma opção bastante atraente.
Para isso, primeiro procure por "Criar e formatar partições do disco rígido" no seu Windows, ou encontre-o nas "Ferramentas Administrativas" no "Painel de Controle".
Para ocultar uma unidade de disco inteira primeiro é preciso acessar o gerenciador de discos do Windows (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)
Para ocultar uma unidade de disco inteira primeiro é preciso acessar o gerenciador de discos do Windows (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira) 
Feito isso, a janela do gerenciador de discos aparecerá e mostrará todos os discos rígidos internos e externos conectados ao seu computador. Selecione aquele que você deseja ocultar, clique com o botão direito e selecione a opção "Alterar letra de unidade e caminho...".
No gerenciador de disco do sistema, basta selecionar a unidade que você quer esconder, clicar com o botão direito e selecionar a opção de alterar letra de unidade e caminho (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)
No gerenciador de disco do sistema, basta selecionar a unidade que você quer esconder, clicar com o botão direito e selecionar a opção de alterar letra de unidade e caminho (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira) 
Na janela que se abre, selecione a opção "Remover" e confirme a alteração clicando em "OK". Pronto, depois disso você verá que o disco não mais aparecerá em "Meu Computador" e não poderá ser acessado.
Ao clicar em
Ao clicar em "Remover" você fará com que a unidade não seja mais listada no "Meu computador" e no Windows Explorer (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira) 
Assim como o processo de ocultar arquivos, este aqui não é o ideal, mas certamente irá desencorajar os mais leigos que querem espiar o que você anda guardando na sua máquina. Para desfazê-lo, basta reverter as seleções executando as instruções novamente.

Proteja os arquivos com senha 

Infelizmente, o Windows não possui um sistema nativo de proteção de arquivos com senhas. É bem verdade que dá para fazer algumas gambiarras aqui e acolá, mas elas nem sempre são confiáveis e só nos resta recorrer a softwares de terceiro para adicionar essa camada extra de proteção.
São várias as opções disponíveis, mas certamente uma das que mais chama atenção é o app SecretFolder. Totalmente gratuito, o aplicativo tem uma interface bastante simples e objetiva. Para proteger uma pasta, basta abrir o programa, clicar em "Add" e selecioná-la. Feito isso, o SecretFolder esconderá a pasta, que só poderá ser vista e acessada ao abrir o aplicativo, inserir a senha mestre e liberá-la clicando em "Unlock".
O SecretFolder é uma das opções mais simples e eficazes de proteger pastas no Windows
O SecretFolder é uma das opções mais simples e eficazes de proteger pastas com senha no Windows. Basta clicar em "Add" e selecionar uma pasta para que ela entre para o "cofre" do SecretFolder e não seja mais exibida no Windows Explorer. O status "Lock" indica que a pasta está protegida e inacessível. Para acessá-la novamente, basta selecionar ela na listagem, clicar em "Unlock" e fornecer a palavra-chave mestra para ela voltar a ser exibida no Windows Explorer (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira) 

Criptografe os arquivos 

Se nenhum dos métodos citados acima atendeu as suas expectativas, certamente a criptografia de arquivos o fará. O método é o mais seguro existente e, ao contrário dos métodos anteriores, não abre espaço para brechas de segurança. Portanto, se você não quer se preocupar de jeito nenhum com a possibilidade de alguém acessar seus arquivos sem a sua autorização, o caminho é este.
Assim como o método de proteção por senha, o Windows não possui nenhuma ferramenta nativa de criptografia dos arquivos, sendo necessário recorrer a soluções de terceiros para manter os dados fora do alcance de bisbilhoteiros. As opções vão desde o VeraCrypt, que criptografa unidades de disco inteiras, ao AxCrypt, que protege arquivos e pastas individuais usando tecnologia AES de 128 bits. Essa última opção, inclusive, se diferencia das demais por se integrar completamente com a interface do Windows, bastando clicar com o botão direito do mouse sobre o arquivo ou pasta a ser criptografado para protegê-lo de maneira adqueada.
O grande diferencial do AxCrypt é a integração com a interface do Windows
O grande diferencial do AxCrypt é que ele se integra à interface do Windows, bastando clicar com o botão direito do mouse sobre o arquivo ou pasta que se quer criptografar. Depois disso, basta selecionar a opção "Encriptar" e fornecer uma senha para codificar o arquivo ou pasta (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira) 
Além disso, o AxCrypt é todo desenvolvido em português e por isso é capaz de atender a uma gama mais diversificada de usuários, que não encontrarão nenhum problema em utilizá-lo.
Outro grande diferencial do AxCrypt é a interface em português, o que abre bastante espaço para adoção até mesmo pelos usuários mais leigos (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)
Outro grande diferencial do AxCrypt é a interface em português, o que abre bastante espaço para adoção até mesmo pelos usuários mais leigos (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira) 
É sempre importante lembrar que essas dicas de segurança podem ser utilizadas em conjunto para oferecer mais de uma camada de proteção adicional ao que você quer manter em segredo. Se você quer impedir que seus parentes ou filhos bisbilhoteiros parem de ver o que não devem no seu computador, então talvez as duas primeiras dicas sejam suficientes para o seu caso. Por outro lado, se você é um heavy user da internet ou trabalha conectado o dia inteiro, talvez as duas últimas dicas sejam mais interessantes para o seu perfil.
Além disso, nunca é demais reforçar a ideia de que a melhor proteção contra ataques cibernéticos é um usuário bem informado. Portanto, não dê chance para o acaso e sempre se mantenha informado sobre o que anda acontecendo na internet para evitar cair em golpes, sequestro de arquivos e coisas do tipo. Um usuário bem informado vale mais do que mil medidas de segurança.

Nenhum comentário:

Atenção,Aviso Legal.

Todos os direitos autorais reservados.
A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão, multa e indenizações civis .
LEI Nº 9.610
Art. 5º Para os efeitos da Lei, considera-se:
I - publicação - o oferecimento de obra literária, artística ou científica ao conhecimento do público, com o consentimento do autor, ou de qualquer outro titular de direito de autor, por qualquer forma ou processo.
Os donos de blogs ou sites que não respeitam a lei estão sendo notificados,denunciados,tendo seus blogs e sites fechados e processados.
Proibida cópia total ou parcial,e qualquer tipo de reprodução sem autorização em blogs ou sites.
Proibido o uso do nome Como Saber Fazer
O nome Como Saber Fazer é marca registrada e protegido por lei.
Apenas indique a fonte da informação colocando um link para o artigo do blog Como Saber Fazer.
Até agora: 25/06/15.
145 Blogs e
22 sites denunciados.
154 Blogs apagados pelo google.
221 donos de sites e 25 donos de blog respondendo a processos por plágio.
129 vitórias na justiça.
Leia no fim da página o aviso de Copyright.