quarta-feira, 4 de março de 2015

Como desativar a reprodução automática de plugins no seu navegador

Computador
Os navegadores executam automaticamente a maioria dos plugins instalados nele, mas essa pode não ser uma boa ideia se você desejar, por exemplo, carregar páginas com mais agilidade ou então poupar a sua banda. Para isso, os principais browsers da atualidade oferecem a opção de desativar esse recurso, deixando a seu critério executar um conteúdo em específico ou não.
Apesar desse tipo de função estar presente em todo software do gênero, é preciso realizar diferentes ações para desativar a execução automática em cada navegador. Então, nós elaboramos um guia completo que ensina, passo a passo, como fazer isso nos principais nomes da web: Internet Explorer, Google Chrome, Mozilla Firefox e Opera.
Fique atento e confira nosso tutorial

Internet Explorer

Clique sobre o botão de configurações do Internet Explorer — aquele com ícone em forma de roda dentada — e então selecione a opção “Gerenciar complementos”.
Desativar plugins
Na nova janela, selecione a opção “Barras de ferramentas e extensões”, escolha mostrar “Todos os complementos” e então encontre a opção “Shockwave Flash Object”. Clique primeiro com o botão direito do mouse sobre ela e, depois, em “Mais informações”.
Desativar plugins
Agora, pressione o botão “Remover todos os sites” e pronto. A partir de então, sempre que uma página com conteúdo em Flash for acessada, o IE vai perguntar se você deseja executar o conteúdo ou não.
Desativar plugins

Google Chrome

Vá às configurações do programa, clicando no botão com ícone em forma de lista no canto superior direito da janela. Depois, vá em “Configurações”. Lá, use o sistema de busca e digite “privacidade”, então clique em “Configurações de conteúdo”.
Desativar plugins
Na nova janela, role a página até encontrar a seção “Plug-ins” e marque a caixa “Clique para reproduzir”. Por fim, clique em “Concluído”.
Desativar plugins
Com as configurações alteradas, sempre que você acessar uma página que demande algum plugin, você deverá acionar o seu funcionamento de forma manual.

Mozilla Firefox

Na barra de endereços do Firefox, digite about:config e pressione a tecla Enter. Vai aparecer um aviso de segurança na tela, então clique sobre o botão “Serei cuidadoso, prometo!” para seguir adiante.
Desativar plugins
No campo “Localizar”, digite plugins.click_to_play (copiar e colar é mais fácil). Clique primeiro com o botão direito do mouse sobre o único resultado que aparece e, depois, em “Inverter valor”.
Desativar plugins
Reinicie o Firefox e as alterações serão colocadas em prática. A partir de então, sempre que você acessar uma página com conteúdo que demanda algum plugin, será preciso clicar sobre ele para iniciar a reprodução.

Opera

Clique sobre o botão “Opera”, no canto superior esquerdo da tela, e depois vá em “Configurações”. Lá, vá até o menu “Sites” e marque a caixa “Clicar para reproduzir”.
Desativar plugins
Essa configuração é o suficiente para que os plugins não sejam mais executados automaticamente.

Nenhum comentário:

Atenção,Aviso Legal.

Todos os direitos autorais reservados.
A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão, multa e indenizações civis .
LEI Nº 9.610
Art. 5º Para os efeitos da Lei, considera-se:
I - publicação - o oferecimento de obra literária, artística ou científica ao conhecimento do público, com o consentimento do autor, ou de qualquer outro titular de direito de autor, por qualquer forma ou processo.
Os donos de blogs ou sites que não respeitam a lei estão sendo notificados,denunciados,tendo seus blogs e sites fechados e processados.
Proibida cópia total ou parcial,e qualquer tipo de reprodução sem autorização em blogs ou sites.
Proibido o uso do nome Como Saber Fazer
O nome Como Saber Fazer é marca registrada e protegido por lei.
Apenas indique a fonte da informação colocando um link para o artigo do blog Como Saber Fazer.
Até agora: 25/06/15.
145 Blogs e
22 sites denunciados.
154 Blogs apagados pelo google.
221 donos de sites e 25 donos de blog respondendo a processos por plágio.
129 vitórias na justiça.
Leia no fim da página o aviso de Copyright.